OPINIÃO

Opinião

A importância do campo na prática atlética

* Por Danny Braz
Para os fãs de qualquer esporte de campo, futebol, golfe, dentre tantos outros, fica evidente quando um campo está bem cuidado, ao menos na parte estética. Talvez os atletas de fim de semana até percebam instintivamente, a diferença que um campo bem cuidado faz, mas a verdade é que a maioria não sabe o quanto de diferença há no desempenho atlético em uma simples grama bem cuidada faz.
O atleta profissional, o técnico, eles entendem isso por ser uma atribuição do ofício. A grama faz toda a diferença. Existem tipos de diferentes de grama, às vezes no mesmo campo para um tipo específico de esporte, como o golfe. Tudo isso porque cada esporte demanda uma dificuldade, uma facilidade e é melhor ou pior em sua prática por causa do campo em que se joga. O desempenho do atleta é afetado, a rolagem da bola, dentre outros fatores.
Lembram-se de quando eram crianças e escolhiam “bola ou campo”, dependendo do estado do campinho em que jogavam à tarde? Bom isso também existe no mundo profissional, mas está ligado a um fator que fica escondido, embaixo da terra, longe dos olhos e da atenção devida, exceto para o dono do campo. Falo da irrigação.
O campo afeta o esporte, e o que mantem o campo eficiente é a irrigação. Campos esportivos, dependendo do tipo de solo, são irrigados de uma a quatro vezes por dia. Isso consume água, energia, demanda controle e muitas vezes conhecimentos de solo, grama, etc. É por isso que um sistema de irrigação inteligente e sustentável é tão importante.
Em São Paulo se consome de uma maneira geral 3 litros por m² por dia de água na irrigação. Caso esta não tenha a eficiência desejada pode se chegar a gastar o dobro de água e energia. Haja água! E isso não afeta apenas o bolso de quem gerencia o campo, mas também a natureza, sobretudo porque temos soluções mais simples, que são ignoradas em muitos casos: a irrigação com água da chuva.
Sistemas que usam a água da chuva, captam, armazenam, distribuem, entendem que tipo de solo e grama precisam de qual quantidade de irrigação, controlam o tempo, identificam se o solo já está molhado, dentre N outras coisas, tudo de forma automática, inteligente e econômica.
Não é preciso gastar com água. Locais como São Paulo, por exemplo, tem muita chuva. Aproveitar essa água é nada menos do que lógico, e uma questão pura e simples de pensar em termos ecológicos e tecnológicos. O resultado é bom para o esporte, o atleta, e para o meio ambiente.
As gramas, em caso de excesso de água, pegam mais doenças e fungos do que as secas ou adequadamente irrigadas. Ou seja, excesso de água é prejuízo garantido na saúde da grama e bolso. Assim, não basta ter água, é preciso saber o quanto de água ter. Esse é um problema complexo, mas de solução simples: possuir um sistema de irrigação via água da chuva, profissional e duradouro.
O milagre de grandes tacadas, gols maravilhosos e a beleza exuberante são vistos, mas o santo que projeta tais milagres está escondido, embaixo da terra, muitas vezes pouco evidente, mas fundamental para que seja possível uma prática esportiva sem igual. É preciso evidenciar isso cada vez mais.
*É engenheiro civil, consultor internacional com foco em construções verdes e diretor geral da empresa Regatec.
-  Toda opinião divulgada neste espaço é de total responsabilidade de quem a emite.
WELLS---160816
05
24-
B
03
15
08
Yama-16.03.14
11
18
E
09
13
22-
07

 

 

 

 

Leia mais

Arantes acusa Pimentel de...
BELO HORIZONTE (MG) - O deputado Antonio Carlos Arantes (PSDB) ocupou a tribuna da Assembleia Legislativa para denunciar a situação difícil dos municípios mineiros. Arantes acusou Pimentel de cavar um grande buraco no Governo de Minas e de querer arrastar os municípios para dentro dele: “É o buraco da...
Abertas inscrições dos Jimi...
BELO HORIZONTE (MG) - Municípios, equipes e atletas que desejarem participar da edição 2018 dos Jogos do Interior de Minas (Jimi) já podem se inscrever no programa da Secretaria de Estado de Esportes (Seesp) realizado desde 1985 que, em 2017, voltou ao seu formato original, com participantes exclusivamente do interior,...
Taça da Copa Glória é do...
PASSOS (MG) - - De forma invicta, o Novo Horizontino, do Bairro Belo Horizonte, em Passos, conquistou, o quarto título de campeão em pouco mais de dois anos. O fato ocorreu domingo passado no Estádio Municipal Odélio Martins da Silva, e correspondeu à primeira edição da Copa Glória Intermunicipal de...
Cássio e vereadores cobram...
PASSOS (MG) - O deputado estadual passense, Cássio Soares, esteve reunido na última segunda-feira (19), com os vereadores do PSD de Passos Alex Bueno, Rodrigo Barreto e Téo Lemos, para propor e cobrar do prefeito Renatinho Ourives (foto), atitudes que mostrem resultados para a solução aos diversos problemas da cidade....
Câmara aprova projeto que...
PASSOS (MG) - Em reunião extraordinária realizada no final a tarde desta segunda-feira (19), a Câmara Municipal de Passos aprovou em primeiro turno Projeto de Lei enviado pelo Poder Executivo que cria as secretaria Municipal  de Cultura e Patrimônio Histórico e Esportes, Lazer e Juventude. Os novos...
Paraíso amplia coleta...
SÃO S. PARAÍSO (MG) - A Prefeitura de São Sebastião do Paraíso, por meio da Secretaria Municipal de Meio Ambiente e em convênio com Associação de Catadores de São Sebastião do Paraíso (Acassp), está ampliando a coleta seletiva de lixo na cidade. O serviço, que antes...
Prefeitura esclarece...
PASSOS (MG) - A Prefeitura de Passos, através da Secretaria Municipal de Fazenda, esclarece alguns questionamentos sobre a cobrança do Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU) 2018: "A cidade tem aproximadamente 57.328 imóveis a ser lançado no IPTU, com um valor aproximado de arrecadação de R$ 27...
Corpo de padre Luiz Tavares...
PASSOS (MG) - Será sepultado às 19h desta terça-feira (20), no Cemitério Municipal de Passos, o corpo do padre Luiz Tavares de Jesus, de 81 anos, que faleceu na madrugada em consequência de um câncer detectado no pâncreas há menos de uma semana. Ele estava internado desde o dia 15 no Hospital de...
Terça-feira de filme no Cine...
Filme: 'MACUNAÍMA (1969)' Título Original: Macunaíma Atores: Grande Otelo, Paulo José, Jardel Filho Diretor: Joaquim Pedro de Andrade Duração: 108 min. Ano de Produção: 1969 Origem: Brasil Gênero: Comédia Sinopse: Macunaíma é um...
Como reduzir o consumo de...
BELO HORIZONTE (MG) - O verão é a estação mais quente do ano e, por isso, os ventiladores, climatizadores de ar e aparelhos de ar condicionado são mais demandados.  Por isso, a Cemig separou algumas dicas para que a utilização desses aparelhos não aumente significativamente o valor das contas...